Relevância
Direção Descendente

Tabela Lista

15 por página

4 Produto(s)

  1. LIVRO - O RINOCERONTE QUE QUERIA VOAR

    R$49,90
    A delicada história deste livro saiu da mente criativa da autora e ilustradora Nadia Adina Rose, que nasceu e vive na Rússia. Virando as páginas, os pequenos leitores irão acompanhar a saga de uma série de personagens que estão em busca de realizar seus sonhos. Numa linguagem sensível e envolvente, texto e ilustrações se entrelaçam tecendo a jornada não só do rinoceronte do título mas também de outros seres como a tartaruga míope que almejava enxergar o horizonte e a iguana que queria conhecer a neve. As ilustrações, também feitas pela Nadia, são frutos da mistura habilidosa das técnicas de papel machê e colagem junto com o sentimento de amor que a autora desenvolveu pela obra. Detalhes
  2. LIVRO - CLARIANA, A MENINA INVISIVEL - 1 Edição

    R$32,90
    Numa noite de tempestade, sozinha em casa, uma menina desaparece. Mas, ela ainda está ali, embora ninguém mais a veja. Coincidentemente, na madrugada deste mesmo dia, seu irmão Gigante nasce na maternidade. Decidida a mudar a sua sorte, a menina passa a perseguir o sonho de sair da invisibilidade. Um novo amigo surge em seu caminho e promete ajudá-la: o Menino da Casa 11. Ao lado dele, Clariana traça um plano que pode chamar a atenção de toda a cidade e, para realizá-lo, ela conta com uma arma secreta, algo muito especial e único: um dom que só ela tem. Detalhes
  3. LIVRO - NINA E A LAMPARINA - 1 Edição

    R$32,90
    Por que o Sol vai embora, deixando a noite tão escura? Quem é que desliga a luz do Sol sem pedir licença? Por que temos de dormir no escuro, com pesadelos de bruxas e fantasmas...? Essas eram algumas perguntas feitas por Nina, toda noite. Com cinco anos e meio, ela tinha medo da escuridão e queria a luz só para si. Embora a mãe tentasse acalmá-la e explicar o porquê do escuro, Nina não aguentava de medo quando a noite chegava, e as luzes da casa estavam apagadas. Para ela, a escuridão era um mundo estranho, território onde o medo corria à solta, criando formas e seres assustadores... Por isso, Nina só dormia quando acendia todas as luzes da casa. A mãe tinha de pensar então, com urgência, numa solução para aquela situação... Como ela poderia fazer Nina sentir-se segura na calada da noite? Como ter uma luzinha, por menor que fosse, sempre ao lado da filha, como um bichinho de estimação, fazendo companhia e trazendo segurança? Como Nina poderia levar essa luz aonde quer que fosse? E foi aí que surgiu uma ideia brilhante... Detalhes
Relevância
Direção Descendente

Tabela Lista

15 por página

4 Produto(s)